Futebol

Vasco aposta em sequência para recuperar João Victor, que viveu grande fase no Corinthians em 2021 | NETVASCO

Vasco aposta em sequência para recuperar João Victor, que viveu grande fase no Corinthians em 2021 Quinta-feira, 04/01/2024 – 10:33 João Victor desembarcou no Rio de Janeiro nesta quarta-feira e já iniciou a bateria de exames antes de assinar contrato com o Vasco. No retorno ao Brasil, o zagueiro destacou o desejo de voltar a jogar com mais frequência depois de um ano e meio na Europa. E sequência é o que pode fazer o jogador recuperar a boa fase vivida no Corinthians em 2021. Desde que saiu do clube paulista, João Victor jogou pouco. Foram 21 partidas desde julho de 2022, quando o zagueiro foi comprado pelo Benfica por 8 milhões de euros. Dessas, apenas cinco foram em Portugal. Ele ainda fez 16 jogos pelo Nantes no período em que foi emprestado ao time francês. – Precisava jogar, faz tempo que eu conto com essa oportunidade. Estou muito bem fisicamente, venho treinando muito. Jogando menos, mas estou bem fisicamente. Estou muito mais evoluído. Infelizmente não joguei muito no Benfica, mas aprendi muito – resumiu João Victor na chegada ao Rio de Janeiro. Mesmo sem ter se firmado na Europa, João Victor chamou atenção do Vasco e foi comprado pela SAF por 6 milhões de euros. Mas o que fez o clube carioca investir alto no zagueiro que pouco jogou nos últimos 18 meses? O atleta é jovem – 25 anos – e tem características que podem servir muito bem a Ramón Díaz. João Victor é um zagueiro destro e que atua pelo lado direito, setor hoje ocupado por Maicon no Vasco. É rápido, tem bom passe e tempo de bola, é bom no jogo aéreo e nos duelos na área. Sua melhor temporada foi 2021, quando se destacou pelo Corinthians e terminou o ano com bons números no Brasileirão. Entre os zagueiros do campeonato, João Victor foi, por exemplo, o primeiro com mais desarmes e duelos vencidos e o quinto com mais interceptações. – João Victor estreou pelos profissionais do Corinthians em 2019, mas foi em 2021, após empréstimo ao Atlético-GO, que teve sua grande temporada pelo clube. O jogador se destacou por sua qualidade para sair jogando, com bons passes verticais por baixo e por cima. Ele também apresentou velocidade e boa impulsão. Foram 48 jogos disputados naquele ano. No primeiro semestre de 2022, antes de ser vendido ao Benfica, ele não conseguiu ter a mesma regularidade do ano anterior – comentou Bruno Cassucci, setorista do Corinthians no ge. João Victor, reforço do Vasco — Foto: Leandro Amorim/Vasco O primeiro reforço do Vasco para 2024 também se destacou com a bola nos pés em 2021, quando foi o jogador que mais acertou passes no Brasileirão. É um zagueiro que sabe sair jogando e ajuda na construção das jogadas. Na Europa, atuou muito como lateral-direito, o que o ajuda na saída de bola. Mas a concorrência em Portugal acabou prejudicando João Victor. – João Victor sempre encontrou muita concorrência na sua posição no Benfica. Otamendi, campeão do mundo, António Silva, um jovem lançado na equipe e que está a caminho de render muitos milhões, também o Lucas Veríssimo, o John Brooks. Nesta temporada tem o Tomás Araújo. João Victor teve pouco tempo de jogo pela concorrência e, por suas características, é um jogador que precisava de mais tempo para encaixar num elenco com o nível de exigência do Benfica. Em 2023, quando voltou do empréstimo, foi utilizado mais como lateral-direito, o que também não o beneficiou – avaliou Luís Cristóvão, comentarista do “SIC Notícias” em Portugal. Velocidade, capacidade de sair jogando e coragem são características que definem bem João Victor. O zagueiro não tem medo de dar o bote, fazer cortes e tentar passes. E tem boa recuperação quando perde a bola. Pelo que mostrou no futebol brasileiro, é um atleta equilibrado, que vai bem com e sem a bola. Só precisa de sequência. – Um jogador que tem a velocidade como principal característica, tem muita disposição física. Tendo sequência, acho que pode ser um bom zagueiro. Pode fazer a função de lateral-direito, mas é como zagueiro que eu acredito que ele joga melhor. Um jogador que sabe sair com a bola. É por aí que pode fazer a diferença no Vasco. Para o nível do Vasco vai ser um jogador com totais condições para assumir vaga na defesa, por isso acho que é uma contratação acertada. Para jogar na elite da Europa, em um nível maior, como é o caso do Benfica, vai ter que crescer mais – acrescentou Luís Cristóvão. A minutagem baixa na Europa tem outras duas explicações além da concorrência: uma lesão e um desentendimento com o treinador do Benfica. Em outubro do ano passado, o zagueiro foi afastado pelo clube português por indisciplina. O episódio, segundo a imprensa portuguesa, se deu após o jogador não ter respondido bem a uma cobrança do técnico Roger Schmidt por mais empenho. São águas passadas. João Victor quer jogar e vê no Vasco a oportunidade que tanto sonhou nesse período fora do Brasil. Acostumado com pressão e cobranças no Corinthians, o zagueiro não terá problemas para se adaptar ao Rio de Janeiro. Se preciso, contará com a ajuda de Lucas Piton, velho conhecido dos tempos de Timão e que fez uma boa temporada pelo clube carioca. Fonte: ge

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *