Futebol

Cria do Vasco, Andrey Santos definirá situação no Chelsea após o Pré-Olímpico | NETVASCO

Cria do Vasco, Andrey Santos definirá situação no Chelsea após o Pré-Olímpico Segunda-feira, 15/01/2024 – 14:22 O meio-campista Andrey Santos conversou com o técnico Mauricio Pochettino e ficou combinado que sua situação no Chelsea será resolvida após a disputa do Torneio Pré-Olímpico. O jogador da seleção brasileira sub-23 se diz pronto para “dar o melhor” independente do time que vá defender a partir de fevereiro. — Agradeço a Deus pela pré-temporada que fiz, muito boa pelo Chelsea. Quase ninguém esperava que eu ia chegar e fosse me adaptar tão rápido, com grandes jogadores, e eu nunca tinha jogado na Europa. Fiz grandes jogos contra times bons, Brighton, Newcastle. Em relação à conversa com o Pocchettino, a gente preferiu esperar esse Pré-Olímpico, para decidir a minha situação — contou Andrey, em entrevista exclusiva ao ge. Ele foi comprado pelo Chelsea no início do ano passado, junto ao Vasco. Nenhum dos dois clubes divulgou o valor da transferência. O Vasco ainda conseguiu mantê-lo por mais quatro meses via empréstimo. Nesse meio tempo, Andrey foi convocado por Ramon Menezes, então técnico interino, para a seleção brasileira principal. Ele foi titular no amistoso contra Marrocos, em março (derrota por 2 a 1). Andrey Santos, em entrevista exclusiva ao ge na Granja Comary — Foto: Rodrigo Lois O meio-campista de 19 anos chegou a impressionar Pochettino durante a pré-temporada do Chelsea para 2023/24 e foi relacionado para o jogo contra o Liverpool no início de agosto. Porém, naquele mesmo mês, acabou sendo emprestado para o Nottingham Forest. Andrey teve poucas oportunidades com o técnico Steve Copper. Ele foi relacionado para sete jogos do time inglês, entre 30 de agosto e 5 de novembro, e entrou em campo duas vezes: contra o Burnley, pela Copa da Liga Inglesa; e contra o Liverpool, pela Premier League. Titular num jogo, reserva no outro, com 97 minutos em campo no total. — Foi uma escolha minha. Infelizmente não foi como todos nós imaginávamos. Imaginei que ia jogar e tal, estava sempre pronto, sempre bem, mas foi opção do treinador, e eu respeito. Continuei trabalhando e, graças a Deus, estou de volta ao Chelsea, pronto para dar o meu melhor em qualquer equipe que eu for — comentou o brasileiro. Steve Copper foi demitido pelo Nottingham Forest em 19 de dezembro, após mais de 800 dias no comando da equipe. Com esse treinador, o time teve 10 derrotas, três vitórias e cinco empates na atual temporada. O português Nuno Espírito Santos assumiu o seu lugar. O meio-campista comemora ter a experiência de morar fora do Brasil e considera que hoje está adaptado à Inglaterra. O maior desafio foi a velocidade do futebol praticado por lá. — Acho que um pouquinho que eu demorei a me adaptar, acho que um mês, foi a velocidade do jogo. É muito diferente, pessoal da Premier League é muito intenso, muito rápido, muito forte. Acho que demorei um mês para me adaptar ali, mas hoje estou tranquilo em relação a isso. Enquanto o retorno ao Chelsea não acontece, Andrey volta as suas atenções para a reta final da preparação da seleção brasileira para o Pré-Olímpico. Ele deve ser o capitão do time no torneio. Andrey Santos foi o capitão da seleção brasileira pré-olímpica no jogo-treino contra o Boavista — Foto: Joilson Marconne / CBF O Brasil no Pré-Olímpico 2024 A seleção venceu o jogo-treino contra o Boavista com a seguinte escalação inicial: Mycael; Khellven, Arthur Chaves, Michel e Kaiki Bruno; Bruno Gomes e Andrey Santos; Maurício, Marquinhos, John Kennedy e Endrick. Esse deve ser o time titular na estreia. O Brasil está no Grupo A do Torneio Pré-Olímpico de 2024, junto junto de Venezuela, Colômbia, Bolívia e Equador. O Grupo B tem Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile e Peru. Desde que Ramon Menezes anunciou os convocados para o Pré-Olímpico, oito nomes precisaram ser retirados: o goleiro Andrew, os laterais Vinícius Tobias, Luan Cândido e Patryck; os zagueiros Kaiky Fernandes e Robert Renan; o meio-campista Danilo, todos por não liberação dos clubes; e o último foi o lateral Matheus Dias, por lesão. A seleção brasileira faz os quatro primeiros jogos em Caracas, no Estádio Brígido Iriarte. A estreia será no dia 23, contra a Bolívia. O segundo jogo é contra a Colômbia, no dia 26. Depois, contra o Equador no dia 29, e por fim contra a Venezuela no dia 1 de fevereiro. Na primeira fase, as cinco seleções de cada grupo se enfrentam, todos contra todos (uma vez). Os dois melhores de cada chave avançam para o quadrangular final, e as duas melhores seleções no geral se classificam para as Olimpíadas de Paris. Jogos da seleção pré-olímpica na primeira fase:

  • 23/1 – Bolívia x Brasil – 17h (horário de Brasília)
  • 26/1 – Brasil x Colômbia – 20h
  • 29/1 – Brasil x Equador – 17h
  • 1/2 – Venezuela – Brasil – 20h

Fonte: ge

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *