Futebol

Basquete: Em nota, NBB ratifica que aros do ginásio de São Januário em Vasco x Urubu ‘estavam de fato na medida correta’ | NETVASCO

Basquete: Em nota, NBB ratifica que aros do ginásio de São Januário em Vasco x Urubu ‘estavam de fato na medida correta’ Quinta-feira, 16/11/2023 – 06:20 Na última sexta-feira (10), Vasco e Flamengo se enfrentaram pelo NBB no ginásio de São Januário, mas uma polêmica sobre o aro repercutiu após a partida. O rubro-negro venceu o duelo definido na prorrogação e, dias depois, o técnico Gustavo de Conti fez uma acusação inusitada. Segundo o comandante, o aro da casa do time cruz-maltino estava mais baixo do que o recomendado pelas regras. “Muitos fatores colaboraram para a dificuldade do jogo. O aro estava mais baixo lá. Aliás, muito mais baixo do que o normal. Você pode ver que a maioria das bolas a gente chutou e elas foram longas. Isso é uma coisa para se visualizar na quadra deles Vasco. Dessa vez, estava desnivelado um pouco. Achei que estava muito para baixo”, acusou Gustavinho. A declaração do técnico do Flamengo sobre o aro de São Januário, no entanto, não veio no mesmo dia do triunfo sobre o Vasco no NBB. De Conti tocou no assunto depois da vitória sobre o Cerrado, na segunda-feira (13), que teve transmissão do Jumper Brasil. O duelo entre os rivais cariocas foi muito acirrado, mas também teve muitos erros das duas equipes. O placar baixo, então, demonstra isso. A vitória do time da Gávea foi por apenas três pontos: 68 a 65. O Vasco, por exemplo, tentou 63 arremessos de quadra, mas converteu apenas 25. Ou seja, um aproveitamento de 39%. O Flamengo, por sua vez, chutou 79 vezes e acertou apenas 19. Portanto, terminou com 24% nos arremessos gerais. Esse número, então, fez com que o treinador acusasse a diferença em estatura do aro. Por outro lado, incomodado com a declaração do rival, o Vasco emitiu uma nota oficial repudiando a fala de Gustavinho. No texto, o clube ainda chamou o técnico de “irresponsável”. “O Club de Regatas Vasco da Gama repudia veementemente a fala do treinador de basquete do Flamengo. Então, o Vasco reforça que cumpre todas as regras previstas no regulamento do NBB Caixa 23/24 para realização dos jogos. Seja em casa ou fora. E reitera que o delegado técnico do jogo, um profissional definido pela Liga, fez a inspeção, conforme previsto, antes do jogo. Caso houvesse alguma irregularidade seríamos notificados imediatamente”, começou o documento. “O que nos estranha é ele ou a comissão técnica de sua equipe não terem questionado isso antes ou mesmo durante o jogo conforme prevê o regulamento. Sem dúvida nenhuma o treinador está sendo absolutamente irresponsável com essa afirmação”, disparou o clube. “No jogo contra o Flamengo, ficamos a maior parte do tempo à frente no placar. Levamos o jogo para a prorrogação e, acima de tudo, jogamos de igual para igual com uma das equipes ditas favoritas para a temporada. Muitos achavam que este seria jogo fácil para eles, mas não foi. Então, mostramos que não é à toa que somos o Gigante das Quadras”, completou a nota em tom de provocação. Liga se pronunciou Além disso, o NBB também de pronunciou sobre a polêmica em nota. “A altura dos aros é aferida pelo representante da partida antes de todos os jogos do NBB. E essa informação vai para o aplicativo que utilizamos para fazer o checklist de toda a estrutura utilizada pela equipe mandante nos jogos. Em todos os jogos, aliás, a regra da FIBA prevê que a parte superior do aro esteja a 3,05m do piso e é essa altura que é utilizada nos jogos. Caso o representante detecte a necessidade de algum ajuste, este é feito antes do início do jogo. No caso da partida entre Vasco e Flamengo os aros foram aferidos normalmente e, segundo o relatório do jogo, estavam de fato na medida correta. É importante dizer que antes e durante a partida não houve reclamações por parte de nenhum membro de equipe, seja atleta ou staff a respeito da altura do aro”, escreveu a Liga. Agora, o Vasco enfrenta o Cerrado, nesta quarta-feira (15), às 20h, novamente em São Januário. O Flamengo, por sua vez, volta à quadra na quinta-feira, contra o Brasília. O duelo acontece às 19h, no Maracanãzinho. Fonte: Divulgação / NBB Fonte: Jumper Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *