O que as telenovelas do Brasil transmitem

As telenovelas brasileiras serão, porventura, as melhores do mundo. Esta pode parecer uma afirmação arrojada mas a verdade é que, apenas pontualmente, haverá uma telenovela de outro país com semelhante qualidade. Mas, num todo, as novelas brasileiras são um exemplo a seguir por todos os que almejem a criar tal entretenimento televisivo. É difícil, se não mesmo impossível, assistir a uma telenovela brasileira e dizer que é de má qualidade.

Tudo começa pela história, pelo guião. A sequência de eventos, a expetativa criada de episódio para episódio, prendem os espetadores à trama. Quando uma boa história é contada, ou neste caso interpretada, por atores de excelência e equipas técnicas experientes e bem formadas, então há pouco que possa correr mal. Os meios técnicos da indústria conseguem ser páreo para Hollywood.

Quando depois se tem o Brasil como pano de fundo, então ficamos com a combinação perfeita.

As telenovelas brasileiras têm normalmente um background ou predominantemente urbano ou predominantemente rural. Com um território tão vasto como tem o Brasil, isto permite também transmitir às populações rurais e do interior como é a vida nas grandes metrópoles e, por outro lado, fazer chegar um pouco da realidade e das dificuldades da vida fora das cidades aos seus habitantes.

As magníficas paisagens naturais foram imagem de marca de grandes sucessos de entre as telenovelas brasileiras, já históricas, como foram os casos de Roque Santeiro, Escrava Isaura, Pantanal, O Rei do Gado ou Tieta. Os personagens destas telenovelas apresentam características, por vezes exageradas, normalmente atribuídas aos habitantes dos meios rurais. Por outro lado, Selva de Pedra, Laços de Família ou Avenida Brasil são de cariz marcadamente urbano e transmitem bem a vida nas grandes cidades brasileiras.

Os episódios costumam durar entre quarenta e cinco minutos e uma hora e toda uma série pode durar de entre um a quatro anos. Mas nunca há que esperar muito até a próxima telenovela brasileira nos encantar com a sua magia.